Fome

Na obra de Josué de Castro, a palavra fome refere-se a qualquer falta de elementos nutritivos necessários à formação do organismo humano, abrangendo, assim, a fome quantitativa ou penúria aguda, e a fome qualitativa, causada por deficiências específicas na dieta cotidiana. O termo fome também significa doença carencial, ou desnutrição. Esse conceito dado pela clínica, expressa a deficiência de micro (vitaminas e minerais) e macro nutrientes (proteínas e calorias) nutrientes. A estes aspectos fisiológicos são correlacionados fatores sócio-econômicos que são predominantes na formação de áreas de fome que correspondem a áreas de subdesenvolvimento.

Imprimir este texto