O TEMPO DA AMARGURA (1961-1976)

Cassado, JK reage


Tão logo foi cassado pelo regime militar, a 8 de junho de 1964, JK divulgou uma nota em que dizia:

JK cassado, 8/6/1964 "No instante em que a iniqüidade se consuma e me obriga ao silêncio – cassando-me o mandato de senador conferido pelo bravo povo goiano e retirando-me os direitos políticos –, quero pedir aos brasileiros que não se deixem um só momento impressionar com as calúnias e as mentiras que os inimigos jurados da democracia certamente hão de continuar atirando sobre mim. Saibam os brasileiros que daqui por diante só não lhes falarei, e só não me defenderei, se fizerem silenciar a minha voz. [...] Minha atitude diante da agressão a que me submetem é de serena tranqüilidade. Sei que o tempo confundirá os meus inimigos gratuitos, sufocará os ódios e restaurará a justiça e o sentimento de grandeza."

O ex-presidente fez em seguida uma previsão que o tempo confirmaria: "Esse ato não marcará o fim do arbítrio. O vendaval de insânias arrastará na sua violenta arrancada mesmo os meus mais rancorosos desafetos. Um por um, eles sentirão os efeitos da tirania que ajudaram a instalar no poder".